Building the future by doing more together

OPTIMAL (Optimização, Maçã, Alcobaça)
Coordinator - Miguel Leão
CESAM Responsible researcher - Ana Cristina da Silva Figueiredo
Programme - Grupos Operacionais 01/ Ação 1.1/2016
Execution dates - 2017-07-01 - 2021-12-31 (54 Months)
Funding Entity - PDR2020-101-031442
Funding for CESAM - 71236 €
Total Funding - 457887 €
Proponent Institution - Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária
Participating Institutions
Universidade de Lisboa
Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária, IP
Associação dos Produtores de Maçã de Alcobaça
Campotec IN – Cons. e Transformação de Hortofrutícolas, SA
Centro Operativo e Tecnológico Hortofrutícola Nacional
Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa
Frubaça - Cooperativa de Hortofruticultores CRL
Frutalvor - Central Fruteira CRL
Instituto Superior de Agronomia
Soati - Sociedade de Agricultura de Grupo, LDA
Sociedade Agrícola da Quinta do Brejo de Vale de macieira, Lda
Vale do Baça – Sociedade Agrícola Lda

[content only available in portuguese]

As orientações que têm sido seguidas na fileira da “Maçã de Alcobaça” são fruto das convicções que técnicos e produtores têm adquirido em visitas técnicas internacionais às principais zonas concorrentes. Não existindo um modelo coerente, pretende-se recolher conhecimentos específicos sobre a cultura da maçã na região da IGP, os quais se pretende que assentem sobre uma base tecnológica e cientifica fortes, de forma a produzir uma matriz de procedimentos e orientações conducentes à generalização de um modelo de pomar mais profissional, nomeadamente, no que respeita às densidades ótimas de plantação e técnicas de poda mais adequadas aos novos modelos de plantação, que permitam regularizar produtividades e maximizar as características organoléticas e riqueza em fitoquímicos das maçãs de Alcobaça, fundamentais para a criação da gama “Premium”, a aguardar pela definição da tecnologia de produção que lhe dê origem para posterior produção e introdução no mercado (ver protocolo com entidade parceira em anexo aos formulários). Com a realização deste projeto, pretende-se a inovação de produto e de processo, clarificando as orientações a seguir pela fileira, mediante um modelo de produção que tire partido das características edafo-climáticas da IGP, diferentes de outras regiões de onde os atuais modelos de produção têm sido importados, e que permita com uma tecnologia de produção diferenciadora criar a gama de Maçã de Alcobaça “Premium”, orientada para diferentes segmentos de mercado, nomeadamente exportação e cliente nacional com preferência de gamas “Top”. Recolhendo dados de fotossíntese, interceção e distribuição de radiação no interior do coberto vegetal, bem como outros parâmetros fisiológicos, será possível perceber qual a densidade de plantação e tipo de poda mais adequadas à maximização do desempenho de macieiras conduzidas em eixo central revestido e produzidas na IGP “Maçã de Alcobaça”, preparando a sua internacionalização com um produto de qualidade superior.


CESAM Funding: