Forging sustainability

SEEBug – Desenvolvimento de um SEnsor para a deteção rápida e Eficaz de bactérias patogénicas em Bivalves
Investigador Responsável - Catarina Marques
Programa - Mar 2020 - Programa Operacional Mar 2020
Período de Execução - 2020-07-08 - 2022-12-31 (30 Meses)
Entidade Financiadora - FEDER - Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional
Financiamento para o CESAM - 487344.61 €
Financiamento Total - 487344.61 €
Instituicão Proponente - Universidade de Aveiro
Instituições Participantes
IEETA - Instituto de Engenharia Eletrónica e Telemática de Aveiro

A produção de bivalves em Portugal tem vindo a aumentar substancialmente, liderando os rankings de comercialização de moluscos em algumas zonas de produção nacional, pelo que o seu impacto económico no mercado interno e de exportações é cada vez mais relevante. Não obstante, os locais de produção dos bivalves são frequentemente afetados por contaminação fecal, promovendo a acumulação de bactérias patogénicas nestes organismos filtradores. A necessidade de aplicar sistemas de controlo que garantam a segurança alimentar e previnam impactos negativos na saúde dos consumidores, é de extrema relevância. Assim, o objetivo deste projeto de investigação consiste em desenvolver e aplicar sensores SEEBug de largo espetro e específicos, capazes de detetar precocemente a contaminação de bivalves por bactérias patogénicas. Além disso, serán desenvolvida a aplicação SEEBug para telemóvel com base em algoritmos de inteligência artificial, com o intuito de gerar uma tecnologia de baixo custo, de fácil aplicação e ambientalmente sustentável, que possa ser utilizada pelos operadores da fileira da pesca de bivalves, desde os Pescadores aos vendedores finais.



Membros neste projecto
Amadeu Soares
Co-Coordenador
Catarina Marques
Coordenadora
Ulisses M Azeiteiro
Investigador
Virgília Sofia Silva
Investigadora

Financiamento do CESAM: