Caring about the future

FIRESMOKE - Sistema de modelação do comportamento do fumo de incêndios florestais
Investigador Responsável - Isilda da Cunha Menezes
Programa - Concurso de Projetos de IC&DT em todos os Domínios Científicos
Período de Execução - 2021-03-01 - 2024-02-29 (36 Meses)
Entidade Financiadora - FCT, PT2020-Portugal 2020, FEDER, COMPETE2020
Financiamento para o CESAM - 249960 €
Financiamento Total - 249960 €
Instituicão Proponente - Universidade de Aveiro


Descrição do Projecto
Portugal é o país com maior número de ignições florestais dos países do sul da Europa (Rodrigues et al., 2013). A capacidade de
prever a ignição e a propagação de incêndios florestais, bem como o comportamento dos poluentes atmosféricos emitidos,
constitui-se como uma ferramenta de apoio à decisão, importante para melhorar a eficácia e a eficiência na gestão de recursos,
para as operações de prevenção, de deteção e de combate aos incêndios florestais e de monitorização da qualidade do ar, com
repercussões na saúde publica.
Esta proposta visa desenvolver um modelo existente de previsão do tempo meteorológico com modulo de química do ar acoplado
a um módulo de propagação de incêndio florestal de superfície (CCATT-BRAMS/SFIRE, Freitas et al 2017), que simula em curto
prazo e em tempo real. O interesse é de ter a estimativa do comportamento das plumas dos incêndios em tempo-real, não só do
fogo sobre a superfície florestal, mas também incluir o fogo de origem em copas de arvores, e assim simular o fogo em áreas de
combustível florestal complexo e com ele criar um sistema de prognóstico de fogos integrado. Com este modelo obtemos uma
relação direta entre os feedbacks da dinâmica, química e termodinâmica da atmosfera e o fogo, e podemos com ele, fazer a
monitorização da qualidade do ar e das trajetórias de dispersão dos poluentes destes fumos, dos poluentes antropogénicos e
biogénicos. Pretende-se com o resultado das suas simulações disponibilizar um serviço de acesso publico de âmbito
atmosférico, sobre o domínio de Portugal continental, usando uma ferramenta de visualização de imagens e outros conteúdos
relacionados num local da internet.
Desta forma no âmbito do projeto far-se-ão desenvolvimentos adicionais do modelo BRAMS, nomeadamente do módulo de
propagação de fogo de superfície (SFIRE) com a incorporação do fogo de copa de árvores e a introdução dos poluentes do fumo
do fogo, no modulo model Eulerian Coupled Chemistry, Aerosol and Tracer Transport (CCATT). Acoplar-se-á ao sistema de
modelação um módulo para ignição de fogos derivados de causas naturais e humanas. Os resultados do sistema de modelação
serão disponibilizados através duma ferramenta de visualização, que permitirá aceder a informação sobre a progressão do fogo,
as concentrações de poluentes que lhe estão associadas, bem como alertas de ignição potencial de fogo.
Um dos desafios consiste no desenvolvimento do sistema de modelação, que implica a simulação de processos complexos,
mantendo as características de execução rápida.
Para atingir os objetivos mencionados, foi constituída uma equipe interdisciplinar da Universidade de Aveiro, e convidados a
integrar a equipa, um investigador da NASA Goddard Space Flight Center (EUA) e do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais
(Brasil), que incluem as especialistas em programação de alto desempenho e em modelação meteorológica e de progressão de
fogo, em caracterização da emissão e dispersão de fumo, impactos na qualidade do ar e na saúde humana, e em deteção remota
e sistemas de informação geográfica.




Membros do CESAM neste projecto
Ana Isabel Miranda
Co-coordenadora
Joana Ferreira
Investigadora
Johnny Daniel Reis
Investigador
Myriam Nunes Lopes
Investigadora

Financiamento do CESAM: UIDP/50017/2020 + UIDB/50017/2020 + LA/P/0094/2020