Forging sustainability

  • EMSO-PT - Observatório Europeu Multidisciplinar do Fundo do Mar e Coluna de Água – Portugal

    A EMSO-ERIC é uma infraestrutura de Investigação Europeia, que inclui vários observatórios multidisciplinares na área do oceano profundo. O principal objetivo desta infraestrutura é monitorizar os processos ambientais relacionados com a interação entre a geosfera, biosfera e hidrosfera, em tempo real e numa grande escala temporal. A EMSO está distribuída por locais chave da Europa, abrangendo o Ártico, o Atlântico, o Mediterrâneo e o Mar Negro.  Portugal é um dos 5 membros fundadores e, até agora, a sua participação tem-se focado nos Açores e Cádis em cooperação com a França (Açores) e Itália (Cádis). O objetivo último do EMSO-PT é o de organizar a participação portuguesa na EMSO.  Mais informação sobre EMSO-PT aqui.  

    ver mais
  • PORBIOTA - E-Infraestrutura Portuguesa de Informação e Investigação em Biodiversidade

    A PORBIOTA é uma e-infraestrutura para gerir dados de biodiversidade na infraestrutura Europeia de e-Ciência para a biodiversidade e investigação em ecossistemas (LifeWatch ERIC), um ponto de referência do ESFRI Roadmap 2018. Feita à medida das necessidades nacionais (investigação, gestão, política, governança e ciência cidadã) e em consonância com os requisitos LifeWatch e outras iniciativas internacionais, a PORBIOTA pretende promover uma agenda nacional para a investigação da biodiversidade indo ao encontro da promoção de serviços para a comunidade científica, políticos e gestores. Para além disso, esta e-infraestrutura também pretende promover a consciencialização da sociedade para a biodiversidade e um maior envolvimento dos cidadãos com a ciência, através de iniciativas de ciência cidadã e outros projetos. A infraestrutura é liderada por um consórcio que inclui Unidades de Investigação e Desenvolvimento nacionais, museus de história natural, o nó Português do Sistema Global de Informação sobre a Biodiversidade (GBIF) e o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF), incluindo também algumas áreas específicas (ICOS-PT e LTER Portugal). O local LTER da Ria de Aveiro é uma das áreas que contribui para esta e-infraestrutura. Mais informação aqui. Co-financiamento:

    ver mais

Financiamento do CESAM: