Caring about the future

GENESIS - Poupanças Ambientais, Económicas e Sociais de Coberturas/Fachadas Verdes Incorporação da Incerteza e das Preferências dos Investidores/Utilizadores em Análises Custo Benefício de Coberturas/Fachadas Verdes
Investigador Responsável - Cristina Matos Silva
Investigador responsável no CESAM - Ana Isabel Miranda
Programa - Programa Operacional Centro 2020; Programa Operacional Lisboa 2020
Período de Execução - 2018-10-09 - 2021-10-09 (36 Meses)
Entidade Financiadora - Portugal 2020
Financiamento para o CESAM - 13337 €
Financiamento Total - 239812 €
Instituicão Proponente - Instituto Superior Técnico
Instituições Participantes
Universidade de Aveiro
Instituto Superior Técnico
Instituto Superior de Agronomia

Descrição do Projecto
As infraestruturas verdes apresentam-se como soluções multifuncionais, sustentáveis e resilientes para a
regeneração dos centros urbanos. Neste sentido, prevê-se que as coberturas/fachadas verdes sejam uma das
alternativas mais promissoras, uma vez que permitem introduzir vegetação em elementos construídos. No entanto,
as coberturas/fachadas verdes têm sido tipicamente restringidas a países e continentes específicos. A utilização
generalizada destes sistemas acontecerá quando o seu mérito económico for globalmente conhecido e aceite.
Atualmente, o valor das coberturas/fachadas verdes não é claro dado que os estudos acerca do seu mérito económico
apresentam elevada variabilidade e resultados divergentes, essencialmente porque: 1) é difícil ponderar benefícios
ambientais e sociais com custos e 2) diferentes utilizadores/investidores apresentam diferentes preferências.
O projecto GENESIS tem como objetivo desenvolver um modelo compreensivo e sistemático para fazer um balanço
entre os benefícios ambientais, económicos e sociais das coberturas/fachadas verdes e os respectivos custos
adicionais, numa perspetiva de ciclo de vida.
A metodologia do projeto é enriquecer as análises custo-benefício de coberturas/fachadas verdes em 3 frentes: i)
integrar todos os benefícios ambientais, económicos e sociais das coberturas/fachadas verdes na análise e convertêlos
em unidades monetárias, de modo a permitir ponderar diferentes tipos de benefícios e estabelecer uma base
comparativa de cenários alternativos; ii) englobar um modelo de incerteza, de forma a incluir previsões imprecisas de
quantificação de custos/benefícios e alterações climáticas; iii) incorporar as preferências dos utilizadores/investidores
através de um modelo multicritério. Este modelo global será um avanço na análise dos custos de ciclo de vida das
coberturas/fachadas verdes e fundamental para a divulgação destes sistemas em edifícios/cidades.
Dada a natureza transdisciplinar das infraestruturas verdes, o projeto GENESIS adota uma equipa de investigação
multidisciplinar, com experiência complementar na estimativa dos benefícios ambientais, económicos e sociais de
coberturas/fachadas verdes e na realização de análises custo-benefício. A contribuição de empresas e profissionais
envolvidos no projecto, conceção e manutenção de coberturas/fachadas verdes também está prevista. Para além
disso, diversos investidores/proprietários dos sectores público e privado irão participar no projeto, acompanhando
casos de estudo de referência: dois municípios em diferentes realidades (em Portugal e na Austrália), edifícios
residenciais, edifícios de utilização pública (escola), alojamentos turísticos e infraestruturas de transporte. Esta
abordagem multidisciplinar garante a validação/utilidade dos modelos de custo-benefício desenvolvidos para
aplicação em diferentes regiões do mundo e tipos de infraestruturas.

Página web do projecto

https://www.projectgenesis-ist.com/

Membros do CESAM neste projecto
Ana Filipa Ascenso
Investigadora
Ana Isabel Miranda
Coordenadora
Bruno Miguel Rocha Augusto
Bolseiro de Investigação
Carlos Silveira
Investigador

Investigador

Financiamento do CESAM: UIDP/50017/2020 + UIDB/50017/2020 + LA/P/0094/2020