HOME  »  Notícias
 
Área de estudo abrange toda a plataforma continental do Atlântico Europeu

21/07/2016   

Biólogos da Universidade de Aveiro participam em censo aéreo de cetáceos

Biólogos da Universidade de Aveiro (UA), do Departamento de Biologia (DBio) e do Centro de Pesquisa e Reabilitação de Animais Marinhos (CPRAM), participaram nas campanhas de censo aéreo de cetáceos integrada no projeto SCANS III, realizadas entre os dia 6 e 14 de julho, que contou com a equipa de biólogos do projeto LIFE+ MarPro, coordenado por Catarina Eira, investigadora do DBio e do Centro de Estudos do Ambiente e do Mar (CESAM), e por biólogos da equipa do CPRAM-ECOMARE.

A área de estudo abrange toda a plataforma continental do Atlântico Europeu, desde o Estreito de Gibraltar até à Noruega. Em simultâneo, estão a operar três navios dedicados à monitorização de áreas offshore e sete aeronaves que irão amostrar a zona da plataforma continental. Nesta campanha e para a Península Ibérica foram amostrados 75 percursos desde o Estreito de Gibraltar até à fronteira com o Sul de França.

Durante este trabalho foram efetuados 376 avistamentos de grupos de cetáceos, totalizando 3870 indivíduos, com seis avistamentos individuais de tartarugas-comuns.

Para mais informações sobre o SCANS III, visitar a página oficial do projeto projeto SCANS III.

http://uaonline.ua.pt/pub/deta.....

Sistema de previsão da qualidade do ar com colaboração da UA integra dispersão de poeiras vindas do deserto

19/07/2016

Sistema de previsão da qualidade do ar está agora mais completo

Um módulo de previsão da dispersão em território nacional das poeiras do deserto, vindas do norte de África, foi integrado recentemente no sistema de previsão da qualidade do ar desenvolvido no âmbito de uma parceria entre a Agência Portuguesa de Ambiente e a Universidade de Aveiro (UA) - mais propriamente, o grupo de investigação GEMAC do Departamento de Ambiente e Ordenamento. Deste modo, é possível efetuar e integrar a previsão destes eventos naturais, tão frequentes em Portugal, permitindo avisos à população e evitando problemas de saúde: http://previsao-qar.web.ua.pt/.

Também o verão e os tão desejados dias bonitos cheios de sol podem ter um senão: nem sempre a qualidade do ar nestes dias é a melhor… Mas, pelo menos, com a ajuda do Grupo de Emissões Modelação e Alterações Climáticas (GEMAC), do Departamento de Ambiente e Ordenamento da UA, já é possível prever a qualidade do ar, à semelhança do que se faz com o estado do tempo.

A utilidade deste serviço, com vantagens para a generalidade da população, poderá ter particular interesse para os grupos considerados mais sensíveis. É o caso das crianças, idosos, asmáticos e pessoas com alergias, doenças respiratórias ou problemas cardíacos. 

Mais informação em: http://uaonline.ua.pt/pub/deta.....&lg=pt

HidroRia: uma aplicação para não encalhar na Ria de Aveiro

14/07/2016

HidroRia: uma aplicação para não encalhar na Ria de Aveiro

Já é possível prever com exatidão as marés da Ria de Aveiro. Desenvolvida na Universidade de Aveiro (UA) para facilitar a navegação de pescadores, agentes de passeios turísticos ou de qualquer ‘marinheiro’ da ria, a aplicação HidroRia permite, pela primeira vez e através de um smartphone, obter uma previsão atualizada das marés em tempo real e para os canais principais da laguna. A nova app, cujas previsões são feitas de forma autónoma sem necessidade de acesso às redes móveis, vai permitir evitar os frequentes encalhamentos das embarcações fruto do aumento da amplitude de maré e do assoreamento localizado de alguns canais, nomeadamente os de acesso a portos de recreio e piscatórios.

Desenvolvida pelos investigadores João Miguel Dias, Ana Picado, Carina Lopes e Renato Mendes, do Núcleo de Modelação Estuarina e Costeira do Departamento de Física (DFis) e do Centro de Estudos do Ambiente e do Mar (CESAM) da UA, a HidroRia quer prestar um serviço aos utilizadores da Ria de Aveiro que “enfrentam enormes dificuldades de navegação através de vários canais da ria”.

As previsões efetuadas pela aplicação HidroRia baseiam-se em observações atuais da maré realizadas em diversas estações de amostragem permanente distribuídas pelos canais principais da laguna e cujos dados foram recolhidas no âmbito do projeto de Monitorização Hidrodinâmica da Ria de Aveiro em execução pela Administração do Porto de Aveiro, entidade que cedeu os dados foram essenciais para o nascimento da app. Finalmente, a curto prazo esta aplicação disponibilizará previsões dedicadas para a totalidade dos portos de recreio e piscatórios da Ria de Aveiro.

Mais informação em: 
http://uaonline.ua.pt/pub/deta.....&lg=pt
https://www.facebook.com/researchUA/?fref=ts

Dia do CESAM 2016

10/07/2016

Dia do CESAM 2016


No passado dia 8 de Julho foi comemorado o Dia do CESAM com um almoço partilhado no espaço relvado situado entre os dois edifícios do DAO. Este ano contámos com a presença de um instrutor de Tai Chi do Instituto Confúcio da UA para nos orientar numa sessão ‘ZEN’ de 30 minutos.

O evento contou também com o gentil patrocínio da CAVE CENTRAL DA BAIRRADA e do CAFÉ DEL ART.


http://www.cavecentraldabairrada.com/


http://www.cafedelart.com/

DNA TRUSTAG, an UA spin-off company founded by researchers from CESAM/DBio, received a Seal of Excellence by the EC

27/06/2016

A DNA TRUSTAG, uma spin-off fundada em janeiro no Centro de Estudos do Ambiente e do Mar (CESAM) e no Departamento de Biologia da Universidade de Aveiro (UA), recebeu o selo de excelência da Comissão Europeia no âmbito do programa Horizonte 2020 para investigação e inovação. O selo certifica o carácter inovador e potencial de comercialização da tecnologia desenvolvida pelos investigadores do CESAM, Newton Gomes e Francisco Coelho, no Laboratório de Estudos Moleculares de Ambientes Marinhos (LEMAM).

A plataforma tecnológica da DNA TRUSTAG permite a produção de códigos únicos de DNA (impossíveis de replicar) que geram sinais análogos a um código de barras. Os códigos de DNA podem ser utilizados para marcar uma ampla gama de matérias primas ou produtos diretamente nas linhas de produção. A empresa foi fundada em janeiro de 2016 e pretende ser uma mudança de paradigma nas tecnologias de contrafação, auxiliando as empresas a combater a proliferação de falsificações e a consequente desvalorização da sua propriedade intelectual.

Mais informação em: https://uaonline.ua.pt/pub/detail.asp?c=47188&lg=pt

Prémio para o melhor poster na área de Ciências atribuído ao CESAM – Research Day 2016

17/06/2016

Rita Bicho foi premiada com o Prémio Melhor Poster em Ciências com o poster:

Bicho, RC, Gonçalves, M., Amorim, MJB (2016) Development of novel tools for environmental health assessment - fast screening for long term effects.

apresentado no Research Day 2016 da University of Aveiro,que decorreu no passado dia 15 de junho de 2016.

Rita é aluna de Doutoramento do CESAM, e tem desenvolvido investigação na área "environmental health assessment" no Grupo do CESAM Biologia do Stresse (Lab. Ecotoxicogenomics). O trabalho apresentado foi recentemente publicado, por exemplo, em Bicho R.C., Santos F.C.F., Goncalves M.F.M., Soares A.M.V.M., Amorim M.J.B. (2015) Enchytraeid Reproduction Test(PLUS): hatching, growth and full life cycle test-an optional multi-endpoint test with Enchytraeus crypticus. Ecotoxicology. 24, 5, 1053-1063. 


 

NanoFARM kick off meeting realizou-se na UA

13/06/2016

O kick off meeting do projeto ERA NET SIIN NanoFARM- Fate and Effects of Agriculturally Relevant Materials decorreu na Universidade de Aveiro, nos dias 6 e 8 de junho. Susana Loureiro (coordenadora UA, departamento de biologia) e Sónia Rodrigues (departamento de química) organizaram a reunião que decorreu no CESAM e onde participaram igualmente os parceiros das Universidades de Carnegie Mellon (Greg Lowry, coordenador NanoFARM), Kentucky (Jason Unrine) e Vienna (Frank von der Kammer). Estiveram igualmente presentes como observadores, investigadores do NERC, UK (Steve Lofts e Marianne Matzke).

O projeto NanoFARM tem como objetivo estudar o comportamento de nanoagroquímicos em solos, e relacionar essas características com os potenciais efeitos e riscos para o ambiente. O projeto terá uma duração de 36 meses e espera fornecer informações cruciais que permitam utilizar a nanotecnologia a favor da sustentabilidade da produtividade agrícola, extremamente necessária num contexto de crescimento exponencial da população mundial.

Mais informação em: http://uaonline.ua.pt/pub/deta.....

UA mostra competências na área do mar na Oceans Business Week

6/06/2016

A Univesidade de Aveiro (UA) esteve presente na componente expositiva Oceans Business Week que decorreu no Centro de Congressos de Lisboa, de 2 a 4 de junho, dando conta das suas competências ao nível da investigação e desenvolvimento na área do mar e da economia do Mar. Tratou-se de um evento organizado pela Fundação AIP em parceria com o Ministério do Mar e com o alto patrocínio do Presidente da República.

O stand UA deu evidência à estruturas institucionais da UA que atuam nesse âmbito: Aveiro Institute for Marine Science and Technology (AIMARE), Plataforma Tecnológia do Mar, ECOMARE e Centro de Estudos do Ambiente e do Mar (CESAM) - laboratório associado - e suas valências.



Em exposição estiveram alguns exemplares resultantes da investigação da UA no mar profundo, como exemplos do vasto campo de abrangência da UA ao nível do mar.

Mais informação em: https://uaonline.ua.pt/pub/detail.asp?c=46587


Food Contaminants and Human Health - publicação de livro com participação de membros do CESAM

15/05/2016

Como resultado da Conferência Internacional ICFC2015 International Conference on Food Contaminants: challenges in chemical mixtures, o livro " Food Contaminants and Human Health – challenges in chemical mixtures " está agora disponível incluindo alguns resumos alargados e escritos por oradores convidados e também resumos apresentados na conferência.

Esta Conferência foi organizada por Paula Alvito e Ricardo Assunção, membros do INSA- Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge & CESAM, e teve como uma das oradoras convidadas Susana Loureiro, do departamento de biologia & CESAM da Universidade de Aveiro, assim como a participação de vários outros membros do CESAM, cujas contribuições estão também disponíveis neste livro.

O livro pode ser descarregado através do repositório do Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge em http://repositorio.insa.pt//handle/10400.18/3214.

LAUNCH OF THE GLOBAL SOIL BIODIVERSITY ATLAS WITH UA CONTRIBUTIONS

05/05/2016

The Global Soil Biodiversity Atlas is an effort by the Global Soil Biodiversity Initiative (GSBI) and the Joint Research Centre (JRC) of the European Commission to raise awareness about the importance of soil biodiversity. It comprises 180 pages with amazing photos, maps, charts, statistics, and shared information that scientists, educators, policy makers, and non-specialists alike can use as a toolkit for knowing and understanding soil biodiversity globally. Key messages of the Atlas are:

• Soil biodiversity is extremely diverse in shapes, colours, sizes and functions.
• Soil biodiversity supports many services essential to human beings: plant growth, water and climate regulation, and disease control, among others.
• Soil biodiversity is increasingly under threat due to several pressures acting on soils.
• Interventions to reduce the impact of threats to soil biodiversity are available and should be widely adopted.
• Policies to protect and value soil biodiversity are still at an early stage and need to be further developed.

Out of the 94 authors from across the world, four are CESAM researchers at the UA. Ana Catarina Bastos and Susana Loureiro from the applied Ecology and Ecotoxicology R&D group (applEE) in the Biology Department, contributed with expertise on environmental biotechnology, including biomonitoring and bioremediation, as provisioning services of soil biodiversity. Frank Verheijen and Jacob Keizer from the Earth Surface Processes (ESP) lab in the Department of Environment & Planning, contributed with expertise about wildfire as a threat to soil biodiversity, and fire management as a way of benefiting soil biodiversity.